ONDE ESTOU: INÍCIO NOVIDADES NOTÍCIA VOLTAR
Fique por dentro das Novidades Celg
CELG DISTRIBUIÇÃO MONITORA EM TEMPO REAL INCIDÊNCIA DE RAIOS NO ESTADO DE GOIÁS E OTIMIZA ATENDIMENTO
CELG | 27/07/2017 - 09h15
· Ferramenta permite acompanhar em tempo real as condições climáticas e a incidência de descargas atmosféricas, para minimizar impactos na rede elétrica

·Entre novembro de 2016 e maio de 2017, a empresa registrou mais de um milhão de descargas atmosféricas no Estado de Goiás


De dentro de uma sala de comando com técnicos operando 24 horas por dia, a Celg Distribuição monitora em tempo real as condições climáticas e a incidência de raios no estado de Goiás. Os números impressionam: somente entre novembro de 2016 e maio de 2017, período que concentra maior número de raios, a Celg Distribuição registrou um total de 1.230.847 em sua área de concessão. O resultado disso é que cerca de 20% dos desarmes do sistema elétrico no período foram causados por estas descargas elétricas.

O sistema de monitoramento de raios da Celg Distribuição faz parte do Centro de Operação do Sistema (COS) e funciona da seguinte maneira: depois de identificadas as regiões com previsão de tempestades e registros de descargas elétricas, os resultados do monitoramento são disponibilizados, em tempo real, para os operadores do Centro de Operação em uma grande tela onde estão projetados o mapa do estado de Goiás e toda a malha do sistema elétrico da companhia – linhas de distribuição de alta tensão e subestações, por exemplo. O serviço de monitoramento também permite reconhecer as regiões com aumento no histórico de ocorrências de raios, auxiliando na instalação de equipamentos de proteção da rede elétrica.

Essa estrutura de monitoramento da Celg Distribuição funciona em parceria com o Sistema de Meteorologia e Hidrologia do Estado de Goiás, a Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia de Goiás e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Por meio dessa parceria, a Celg recebe um boletim diário de previsão de tempo e alertas meteorológicos elaborado pelo Sistema de Meteorologia e Hidrologia do Estado de Goiás.

“O monitoramento do tempo e clima é de fundamental importância para a preparação do sistema de distribuição a fim de se evitar os possíveis danos causados por tempestades e ventanias. Isso permite maior controle, maior confiabilidade, e qualidade no fornecimento de energia aos consumidores da distribuidora”, ressaltou João de Oliveira, Superintendente de Operação do Sistema Elétrico.

Ao ser detectado um risco, as equipes de manutenção são acionadas, permitindo aos técnicos um maior tempo para planejar melhor as ações em campo para suporte técnico. “É uma ferramenta muito útil, porque podemos cruzar informações e entender a relação entre o registro de raios e eventuais interrupções no fornecimento de energia, o que nos ajuda a tomar as medidas necessárias sabendo de antemão as causas do problema”, explica o responsável pelo Centro de Operação do Sistema, o técnico Jurandir Alves Monte Júnior.

SISTEMA EM EVOLUÇÃO DESDE 2008

O primeiro sistema de monitoramento de raios da CELG Distribuição foi implantado em 2008, através de um projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D). Desde então, já foram adquiridos oito novos sensores de descargas atmosféricas, distribuídos entre os municípios de Goiânia, Catalão, Formosa, Quirinópolis, Porangatu e Iporá, um radar meteorológico instalado em Aparecida de Goiânia e oito estações meteorológicas, todos em funcionamento.

Em 2016, foi inaugurada a reforma das salas de controle do Centro de Operação do Sistema (COS) e do Centro de Operação da Distribuição (COD). Cada centro possui um novo painel constituído por 20 monitores integrados de LED, de 46 polegadas, permitindo maior facilidade na visualização e na qualidade das informações disponibilizadas em tempo real, auxiliando significativamente nas tomadas de decisões nos processos operacionais